Os 14 superalimentos a incluir na sua dieta

Os 14 superalimentos a incluir na sua dieta

Todos nós procuramos um estilo de vida saudável, que nos proporcione bem-estar e energia para lidar com o dia-a-dia. Uma das melhores formas de alcançarmos esse objetivo é seguirmos uma alimentação variada e saudável! Alimentação que deverá incluir nutrientes essenciais como os aminoácidos, ácidos gordos essenciais, fibras, vitaminas, minerais e antioxidantes.

No entanto, como nem sempre é fácil obter todos os nutrientes necessários através da alimentação diária, recorre-se muitas vezes à utilização de suplementos alimentares. Porém, existe ainda outra forma de conseguir obter da sua dieta, todo um lote de nutrientes. É aqui que entram os superalimentos!

Mas o que são superalimentos?

Um superalimento é um tipo de alimento que possui vários nutrientes essenciais e poucas calorias. Para além disso, possui ainda um conjunto de fitoquímicos – também conhecidos como fitonutrientes – que ajudam a prevenir o aparecimento de doenças como o cancro e as doenças cardiovasculares. Os fitoquímicos costumam apresentar propriedades antioxidantes, anti-inflamatórias e anti-envelhecimento.

Alguns dos fitoquímicos habitualmente presentes nos superalimentos são o licopeno, as catequinas, isoflavonas, carotenoides, flavonoides, fenólicos, índoles e fitosterois. Facilmente se identifica um alimento rico em fitoquímicos, pois estes costumam apresentar cores vivas.
De seguida, apresentamos-lhe 14 superalimentos que facilmente conseguirá adicionar à sua dieta alimentar, pois podem ser encontrados em qualquer supermercado.

Abóbora

  • Rica em fibra, potássio, ácido pantotênico (Vitamina B5), magnésio, vitamina C e vitamina E;
  • Rica em carotenoides;
  • Possui propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias;
  • Ajuda a regular a glicose presente no sangue.

Aveia

  • Rica em fibra solúvel;
  • Contém polifenóis e outros fitoquímicos;
  • Reduz o risco de certos cancros;
  • Ajuda a baixar o colesterol;
  • Reduz o risco de doenças cardiovasculares.

Brócolos

  • Possuem poucas calorias;
  • Ricos em polifenóis, ácido fólico, fibra, cálcio e vitamina C;
  • Promovem a saúde do sistema cardiovascular;
  • Melhoram o sistema imunológico;
  • Ajudam a prevenir o aparecimento de cancro.

Chá Verde

  • Rico em catequinas e no antioxidante EGCG;
  • Reduz o risco de certas formas de cancro;
  • Ajuda a controlar o peso;
  • Previne doenças cardiovasculares.

Chocolate Preto

  • Ajuda a baixar a pressão arterial;
  • Melhora o fluxo sanguíneo;
  • Rico em flavonoides;
  • Possui propriedades antioxidantes;
  • Contém polifenóis.

Espinafres

  • Ricos em fibra, vitamina A, vitamina C, vitamina K, cálcio, ferro e muitos outros;
  • Contém antioxidantes, carotenoides, clorofila e luteína;
  • Ajuda a prevenir enfartes e outras doenças cardíacas;
  • Ajuda a prevenir a DMI (Degenerescência Macular da Idade) e as cataratas;
  • Melhora o sistema imunológico.

Feijão

  • Fonte de proteína não animal;
  • Baixo em gordura saturada;
  • Rico em fibra, vitaminas do complexo B, ferro, magnésio e outros micronutrientes essenciais;
  • Fonte de flavonoides e outros fitoquímicos;
  • Ajuda a baixar o colesterol e a controlar os níveis de açúcar no sangue.

Iogurte

  • Possui CLA (Ácido Linoleico Conjugado) que auxilia no metabolismo da gordura;
  • Rico em proteína, cálcio, riboflavina (vitamina B2), vitamina B12, potássio, magnésio e zinco;
  • Fonte de probióticos;
  • Promove a saúde dos ossos e do aparelho digestivo.

Laranja

  • Rica em vitamina C, fibra, ácido fólico, potássio e polifenóis;
  • Possui propriedades antioxidantes;
  • Melhora o sistema imunitário;
  • Melhora a saúde do coração;
  • Reduz o risco de cancro.

Mirtilo

  • Fonte de fibra, ácido fólico, potássio, vitamina C e vitamina E;
  • Possui propriedades anti-inflamatórias, anti-envelhecimento e promove as funções cognitivas;
  • Contém pigmentos antioxidantes e fitoquímicos (antocianinas, flavonoides, resveratrol, etc…);
  • Pode desempenhar um papel importante na prevenção do cancro e doenças cardiovasculares.

Nozes

  • Fonte vegetal de ómega 3;
  • Fonte de fibra, proteína e esteróis vegetais;
  • Previne doenças cardiovasculares;
  • Ajuda na prevenção do cancro.

Salmão

  • Fonte de ómega 3;
  • Baixa o risco de doenças cardiovasculares;
  • Possui propriedades anticoagulantes e anti-inflamatórias;
  • Pode ajudar a prevenir a perda de memória.

Soja

  • Fonte de proteína não animal;
  • Contém isoflavonas e fitoestrógenos;
  • Reduz o risco de doenças cardiovasculares;
  • Melhora a saúde dos ossos;
  • Poderá ajudar a minimizar os sintomas da menopausa.

Tomates

  • Fonte de licopeno;
  • Possui vários nutrientes;
  • Reduz o risco de cancro da próstata;
  • Reduz o risco de doenças vasculares.

Classifique o artigo

Average: 4.2 (10 votos)
Comentários (0)

Add comment

Inicie sessão ou registe-se para publicar comentários