12 dicas para uma cozinha light

12 dicas para uma cozinha light
Prato com cenouras e carne

Quando se está de dieta parece que tudo se torna mais difícil: contar calorias, elaborar menus, saber o que comprar e como cozinhar. Para que não deixe de ter prazer na cozinha e nos seus mil e um sabores, mesmo que esteja de dieta, reunimos 12 dicas para ajudar na hora de enfrentar os tachos. Bom apetite!

1. Utilize tachos e panelas antiaderentes.

A melhor forma de evitar o uso (e o abuso!) de óleo, manteiga e margarina na cozinha é utilizar tachos e panelas antiaderentes. Os alimentos ficam muito bem cozinhados na mesma, retendo o seu sabor natural e com muito menos calorias – caso contrário, opte sempre por azeite virgem ou óleo de canola para cozinhar.

2. Abaixo a gordura.

Antes de cozinhar qualquer tipo de carne ou ave, reserve um minuto para retirar toda a gordura visível – com este simples gesto reduz-se significativamente a quantidade de gordura presente no prato final. No caso do frango, este pode ser cozinhado com a sua pele intacta, desde que esta não seja consumida na hora da refeição, pois é nela que está camuflada toda a gordura desta ave.

3. Grelhar, grelhar, grelhar.

Não há melhor forma de remover gorduras indesejadas dos alimentos do que grelhá-las… mantendo inalterado todo o sabor e com menos calorias.

4. Abençoado alumínio.

Use e abuse da folha de alumínio para cozinhar, no forno, peixe, carne e vegetais. Para além de ser extremamente saudável – cozinhar em papelote conserva os sabores naturais dos ingredientes sem gordura adicional – facilita muito na hora de lavar a louça!

5. Substitutos light.

Em vez de utilizar manteiga, natas, farinha ou Maisena para engrossar sopas e molhos, opte antes por vegetais cozinhados e reduzidos a creme. Estes engrossadores naturais – caso da batata, por exemplo – são muito mais saudáveis e nutritivos, sem perderem pitada de sabor.  

6. E os panados?

Quem está de dieta não tem de se privar de tudo e se lhe apetecer um panado ou um filete de vez em quando, não vai deixar de o comer pois não? Sabe qual é o truque light para pratos que implicam pão ralado e ovo? Em vez de utilizar o ovo por inteiro, pane a carne ou o peixe exclusivamente com pão ralado e a clara do ovo ou então com leitelho. O prazer por inteiro, o pecado por metade.  

7. Prepare sopas e guisados com antecedência.

Para além de adiantar trabalho, prepare e refrigerar sopas e guisados com um ou dois dias de antecedência tem a sua vantagem: enquanto repousam no frigorífico, a gordura do cozinhado vai subir e instalar-se na superfície dos alimentos, sendo facilmente removida. Se não tiver disponibilidade para tal, consegue o mesmo efeito com um coador.

8. Fruta e legumes só da época.

Os benefícios saudáveis e nutritivos da fruta e dos legumes aplicam-se exclusivamente àqueles que foram produzidos e cultivados dentro da sua época normal. Limite a compra destes alimentos à sua época – para além de serem mais saborosos, são ainda mais baratos. Se necessitar de brócolos para determinada receita, mas não se encontra na época deste legume, substitua-os por espargos, por exemplo… ou seja, há sempre uma solução salutar.

9. Iogurte natural, iogurte multifuncional.

Em vez de recorrer à maionese ou aos molhos pré-preparados para temperar a salada ou confeccionar um molho para carne ou peixe, opte antes pelo iogurte natural… uma verdadeira lufada de ar fresco para o paladar, sem sentimentos de culpa.

10 Lacticínios magros.

Os lacticínios magros contêm a mesma quantidade de nutrientes que os seus congéneres gordos ou meio-gordos mas com a vantagem de ter menos gordura saturada, colesterol e calorias. Não é lógica esta escolha?

11. Nozes e sementes, uma guarnição apetitosa.

Uma mão cheia de nozes ou sementes é o suficiente para transformar o mais simples dos pratos de massa ou de salada, num verdadeiro manjar, sem culpas. Para um sabor ainda mais tentador, torre um pouco as nozes ou as sementes antes de as juntar aos restantes alimentos.

12. Temperos tentadores.

Estar de dieta não significa comer alimentos desenxabidos, por isso, use e abuse das ervas aromáticas (pode cortar e congelar para ter sempre à mão), gengibre, cebolas, alho, chili, vinagre, mostarda e sumo de limão para intensificar os sabores de todos os alimentos sem acrescentar calorias indesejadas. Deixa de ser dieta e passa a ser delícia…

Classifique o artigo

Average: 4.4 (30 votos)